segunda-feira, 24 de março de 2014

Fiz um sketchbook

Já tinha um tempinho que eu tava com vontade de fazer um sketchbook costurado. Acho que esses caderninhos são o sonho de consumo de todo mundo que desenha, e a vantagem dos "homemade" é poder escolher formato e papel, além de economizar uma grana.

A preguiça e a falta de grana foram dois fatores que me fizeram adiar bastante o projeto, mas depois que li os posts da Suco (aqui) e da Débora (aqui) - que também fizeram os próprios sketchbooks -, me senti mais empolgada e determinada pra arriscar brincar de costureira.

Materiais:
- Papel de sua preferência (eu usei vergê, gramatura bem alta);
- Papel paraná (é o nome desse papelão grosso que vem atrás dos blocos de papel);
- Agulha grossa;
- Linha (use preferencialmente aquela que é encerada);
- Tesoura sem ponta (porque eu atraio acidentes);
- Régua e esquadro;
- Lápis e borracha;
- Cola e papel de presente (foi o que usei pra encapar).

Materiais para confecção de sketchbook

Segui o este tutorial em vídeo usado pela Suco, que é super fácil para quem tem destreza com trabalhos manuais. Confesso que apanhei um pouco pra conseguir costurar e furei o dedo duas vezes, mas no fim deu tudo certo (tirando os arremates que eu esqueci de fazer na hora de costurar a capa).

Resultado:
O formato final do meu sketchbook ficou 12,5cm x 14cm, com 30 folhas (60 páginas) divididas em 5 cadernos. Não calculei o gasto total que tive ao fazer, mas se fosse colocar na ponta do lápis, ficaria na casa dos 7 reais. Existem algumas papelarias especializadas em vendas de material para scrapbook, e nesses lugares a gente acha um monte de ferramenta útil pra encadernação.

As placas de papel paraná foram encapadas antes de costurar os cadernos. 

Como pode ser visto nas imagens abaixo, a costura feita na lombada permite abertura muito ampla do caderno (passa até dos 180°), o que facilita muito a vida na hora de desenhar.

Sketchbook aberto no início e mais para o meio.

Tô aqui morrendo de vontade de fazer o primeiro desenho no sketchbook novo! Eu deveria era terminar aquele samurai do post anterior, né, que comecei na semana passada... No próximo Cappuccino eu conto o que aconteceu. Enquanto isso, se tiver oportunidade e alguns minutos de folga, costure um caderninho também. ;)

Até a próxima! o/

22 comentários:

  1. Ficou muito lindo e apesar de você ter dito que esqueceu dos arremates, olhando na foto parece muito firme e bem costurado. Eu usei folha de gramatura 140, 4 cadernos de 3 folhas cada, e parece um pouco menos firme que o seu (comparando pela foto, hehehe) :P

    No meu caso, como não tinha materiais a disposição pra encapar antes de costurar, acabei fazendo a capa com o papel paraná cru, mas vou encapar depois com papel kraft, e estou calculando cobrir a lombada com papel também. Quando tirar um tempo pra fazer isso mostro o resultado.

    O samurai pode esperar! Se você está mesmo empolgada pra brincar com o material novo, dê asas. Vai ser ótimo ver os novos estudos com esse novo formato de caderno. Estou ansiosa!

    Parabéns pela empolgação e persistência, eu sei que foi difícil pra você conseguir concluir a encadernação, afinal eu estava lá, via chat. xD

    Aproveite bastante.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade! Você sentiu o drama direitinho, e presenciou até meus gritos quando espetava o dedo na hora de costurar. Obrigada pela companhia, Suco. Foi de grande ajuda ficar no chat contigo tirando dúvidas.

      Eu não sei qual a gramatura do papel que usei, pois na embalagem não tem informação nenhuma, uma vez que foi comprado avulso. Julgando pelo tato, deve ser algo entre 120 e 180g/m². Resolvi encapar de última hora, porque bati o olho num pedaço da sobra de papel de presente do fim de semana, e acho que se não tivesse encapado, optaria por pintar o papel paraná depois.

      Estou ansiosa para ver o seu sketchbook encapadinho com papel kraft, só não sei se precisa encapar a lombada também. O bom é que protege né?

      Acho que hoje não produzo desenho não, porque tá em cima da hora de dormir, mas amanhã, com certeza, inaugurarei! rs

      Obrigada por comentar! ;*

      Excluir
  2. Olhando assim até parece fácil, mas vendo o vídeo, dá pra notar que dá um trabalho! hehehehe

    Agora que você aprendeu, não tem como reclamar da falta de um sketchbook pra desenhar xD

    Uma dúvida, aquele linha vermelha você usou pra quê?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Sr. Momotaro! Sempre bom ver comentário seu por aqui.
      Não se iluda, dá trabalho sim. Pouco, mas dá. A costura é até fácil, mas o que cansa é ter muito movimento repetido. Aí, dependendo de quantos cadernos tiver, quando a gente pega o jeito da coisa, já acabou o serviço.

      E com certeza, agora que aprendi, não vou reclamar. Mas no ritmo de vida que estou levando no momento, este sketchbook vai durar um bom tempo!

      Tinha começado a costura com aquela linha vermelha, mas como ela não era encerada e já estava meio velha, embolava o tempo todo e me dava dor de cabeça. Como tive que refazer do zero, troquei por uma linha branca sintética. =)

      Excluir
  3. meus olhos ficam assim *______* da vontade de sair correndo e fazer um sketchbook novo,,, eu queria um de cada modelo e cor... kkkk Onde eu trabalho é cheio de papeis multicoloridos que dariam lindas capas ! Maaaaaaaaas vou usar os meus ate o fim! e depois farei muitos..muitos dominarei o mundo kkkk

    Falando sério agora, adorei que vc tbm fez, adorei as cores ..ficou muito fofo!!! Ja estou ansiosa pelo primeiro desenho!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cresci o olho nessa história de você trabalhar num lugar cheio de papel colorido! xD

      Fiquei muito contente com o resultado do meu. Claro que não tá perfeito que nem o da menina do vídeo, mas eu me dei por satisfeita e, toda vez que olho pra ele, fico com vontade de fazer mais um. Acho que também quero dominar o mundo.... Só que não tenho pressa, pretendo usar ele inteiro antes de me aventurar a costurar novamente. rs

      Obrigada pelo apoio, Débora! \o/

      Excluir
    2. Pois eu tenho vontade de domin... err... tenho vontade de fazer mais sketchbooks também, em formatos diferentes. Esse meu é A6 paisagem, mas tenho muito desejo de criar um quadrado também e um A5 paisagem! Mas primeiro quero comprar papeis melhores e diferentes. Esses Filipaper dão pro gasto, mas gostaria de papeis melhores, de preferência com a tonalidade dos reciclados. ^^

      Excluir
    3. Suco, acho que vai ficar muito bonito um sketchbook de papel reciclado, heim! Esse meu tem folhas cor de salmão grelhado (xD) e acho incrível. Mal posso esperar pra trabalhar também com tons mais amarelados (pólem, creme, reciclado também), com textura e sem textura.... infinitas opções! rs

      \o/

      Excluir
    4. kkkk salmão defumado kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Nanica..tem muito papel colorido, é uma fabrica de embalagens... to no setor de desenvolvimento *___*

      Eu ja vi pela net desenho sobre uma folha de cor cinza, foras as creme, polem etc....acho muitoooo legal,,,gostei da ideia de um skecthbook quadrado!!

      Excluir
    5. Ai que trabalho gostoso esse seu, Débora!
      Quando o chefe não estiver por perto, joga os papel tudo pra cima e tira uma selfie poderosa na chuva rhyca de papel pra gente ver. rs Tô zuando, faz isso não que dá justa causa!

      Pense mesmo no formato quadrado, pois a área é bem mais legal pra se trabalhar. ;)

      Excluir
    6. kkkkk ai aparece no jornalzinho daqui " nova funcionara causa confusão em fabrica por fazer chuva de papel e postar no instagram" kkkkkkkkk

      puts...la tem umas maquinas de cortar papel, ficam certinhoooo *_____* sera que me deixam brincar? rs...melhor esperar eu pegar intimidade kkkk

      Excluir
    7. Acredito que não deixariam brincar não, viu! Tenta ver se há ao menos a possibilidade de você dar um destino mais feliz às possíveis sobras de papel (se é que sobra alguma coisa, né?). Ou então, vai anotando o nome dos papeis mais interessantes que tem lá pra gente procurar pra comprar.

      Ai, minha nossa! Uma traça trabalhando num lugar cheio de papel... Eu levaria justa causa na primeira semana, sem dúvida. hehehe

      Excluir
  4. Genteeeeeeeemmmmm! Para tudo que eu vou descer....rs,rs,,rs
    Nane ficou muito lindinho, eu adorei e te dou os parabéns pela coragem.
    Só de pensar no trabalhão que dá, não me atrevo.

    Sinto muito, mas continuarei a comprar nas lojas. Mais fácil, mais prático e mais caro também =(. Mesmo assim, prefiro!

    Quem sabe um dia?!....hummm, não! Nem pensar!....hahahahha

    Antes de ler pensei que você tinha feito o desenho da capa.

    Parabéns.

    beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Silvia, entendo seu sentimento. É o tipo de coisa fácil, mas que exige uma certa destreza e muita atenção de quem tá costurando. Mas vale a pena como passatempo... Se um dia você se animar, faça num fim de semana.

      Nessa brincadeira, mesmo eu tendo reclamado o tempo todo, valeu a pena ter um sketchbook no formato que eu quis, com a capa que escolhi, com o tipo e quantidade de papel que eu escolhi, por menos de 7 reais. =)

      Meu irmão também fez piadinha comigo sobre a capa. Quem dera eu ter feito esse pattern lindo!! Um dia, quem sabe...

      Obrigada por comentar! o/

      Excluir
  5. Ficou bem bacana, eu fiz um, mas bem diferente, fiz tipo aquele do canal do cras conversa https://www.youtube.com/watch?v=HizuyqBn-jE , é meu segundo sketchbook, o primeiro eu comprei pronto, em uma papelaria, mas a gramatura do papel era de 75gm, acabei desenhando e e pulando uma folha cada desenho pra não ficar marcado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Cris!
      Essas dicas do Crás são legais pra caramba, e esse link que você mandou mostra um jeito ainda mais fácil de fazer o próprio caderninho. Ou seja, não tem desculpa pra ninguém ficar sem! Basta escolher dentre as diversas opções aquela que agradar mais.

      Valeu por deixar o link, vai ajudar muita gente que procura uma maneira mais simples e menos dolorida (espetei o dedo duas vezes) pra ter um material bacana pra rabiscar.

      Excluir
  6. Blz Nane, é bom compartilhar, esse tipo de coisa incentiva a desenhar, eu costumo a levar o meu pra tudo quanto é lado, principalmente no intervalo do meu trabalho, e caso o pessoal tenha preguiça de fazer, é só compro em uma papelaria, apesar da gramatura, é baratinho 3 reais, o que eu to usando agora é de 115mm x 168mm, cabe no meu bolso, muito bom pra carregar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você faz muito bem! Eu tenho alguns em casa, mas tenho um azul da tilibra em especial que é pequenininho e carrego o tempo todo comigo na bolsa. Tomara que as pessoas adquiram o habito de fazer o mesmo que a gente, pois ajuda bastante a desenvolver o lado criativo e de execução.

      Obrigada por comentar.

      Excluir
  7. Hey, Nane!

    Esse post caiu tão bem, que acabei de fazer o meu sketchbook xD Mas esse é pra uma matéria na faculdade. Temos q ter um "Livro do Artista" e colocar tds as ideias q tivermos durante o semestre. Achei bem legal essa proposta do meu professor.

    Fiz tanto arremate errado q acho q criei outro tipo de costura de caderno, hauaaha
    Desejo ótimos desenhos nesse caderninho o/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que beleza, Mari!! Provavelmente seu professor pediu isso justamente para criar em vocês o hábito de ter consigo sempre o caderninho de esboços. Quando estava no começo do curso, também tive um professor que pediu isso pra gente (coloco a Joyce no meio da conversa) e foi muito importante no nosso desenvolvimento criativo.

      Não esqueça de postar no seu blog, quero ver como ficou! =D

      Excluir
    2. Vish, se for pra postar, é melhor fazer outro "xD
      Ah, vou deixar aqui o link do blog da nossa turma. Tem mt post bacana por lá http://trid3.blogspot.com.br/

      Excluir
    3. Obrigada por compartilhar o blog da sua turma por aqui. \o/

      Excluir