segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Grande Mac!

Macbeth

Que eu gosto de livros e quadrinhos não é segredo algum! Todos sabem disso, até quem tem a infelicidade de pegar o ônibus no mesmo horário que eu. Quando a leitura envolve os dois - adaptação de um livro para quadrinhos -, a coisa fica ainda mais interessante!

Geralmente as adaptações para quadrinhos são feitas não só para estimular a leitura, mas também como forma de popularizar um certo livro. Há vários trabalhos desse tipo no mercado, os quais ainda não tive a oportunidade de adicionar a minha biblioteca particular, mas folheei inúmeras vezes nas livrarias. O motivo de não ter feito isso ainda é gostar de ler a obra original antes de ver suas adaptações, independente da mídia (filme, série, quadrinhos, jogo, etc). Acontece também de encontrar coisas que já li, mas as vezes o traço do ilustrador não me agrada tanto... aí acabo deixando pra lá.

Uma das editoras que investem nisso é a Editora Nemo, que já publicou nomes da literatura mundial, como Júlio VerneWilliam Shakespeare, e há alguns dias foi anunciado por ela o lançamento de Macbeth para a série Shakespeare em Quadrinhos.


Terminei ontem de ler Macbeth (livro) publicado pela L&PM e agora estou ansiosa para ler a versão em quadrinhos por vários motivos: adoro Shakespeare; conheço o ilustrador; gosto de adaptações; estou curiosa para saber como os personagens foram desenhados; quero conhecer o trabalho da roteirista e saber se fez uma boa adaptação; etc.

Recomendo a leitura das obras de Shakespeare, galera! Macbeth é uma das minhas preferidas.
Até a próxima! o/


20 comentários:

  1. Oi Nane!! Eu adoro ler, não leio muitos quadrinhos não, mas achei bem legal saber que existem adaptações...e também sou como você, leio a obra original para depois conhecer as adaptações! (tenho varioss livros aqui que possuem filmes) Conheço as obras de Shakespeare, claro, mas nunca as li na integra...gostei de saber que sairá ate em quadrinhos! Deve ser o máximo, com certeza lerei!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal! Eu tenho vontade de fazer um Cappuccino só sobre os livros que tenho aqui, mas é muita coisa, aí dá preguiça. Hahahahah

      Um dos meus sonhos de consumo quadrinhísticos é a adaptação de O Hobbit pra quadrinhos. A arte é linda e bem colorida, e a história é muito boa. Li o livro, assisti ao filme antigaaaaço em animação, estou esperando o filme "com gente de verdade" sair no cinema...

      Da coleção de Shakespeare, a editora Nemo já está com Romeu e Julieta (que tem um traço no estilo mangá), Sonhos de Uma Noite de Verão, Otelo, agora vai ter Macbeth... Já a Editora L&PM tá lançando também Agatha Christie em quadrinhos, com Assassinato no Expresso do Oriente, Morte no Nilo, e mais alguns.

      Fiquei curiosa pra saber a sua lista de livros que viraram filmes. Se fizer um post no seu blog sobre isso um dia, por favor, me avise!

      Até! o/

      Excluir
    2. Então vou matar sua curiosidade porque creio que eu não vá fazer um poste sobre eles, meu blog esta abandonado tadinho rsrs... tenho aqui a coleção Harry Potter, O diário de Anne Frank, o livro silencio dos inocentes e suas continuações incluindo Hannibal e a origem do mal, O caçador de pipas, Ele simplesmente não está afim de você (é muitoooo, mas muito mais engraçado que o filme), e meus favoritos, que estão ate separados (usei suas dicas de conservação) que são os do Stephen king - A coisa, o cemitério maldito, Christine o carro assassino, O iluminado ( já li varias vezes amo muito), A espera de um milagre, Carie a estranha... sou fã de suspense e terror...tenho alguns da Agatha Christie que eu adoro!! Quero ler isso em quadrinhoss nem acredito que tenha!!..juro que não sabia!!

      Acho que temos muitas "figurinhas" pra trocar!!

      Ahhhh queria tanto que você fizesse um vídeo tipo "speedart e speedpaint! Eu gosto de colorir desde pequena..mas a pouco tempo comecei a desenhar..fico horas vendo videos e fuçando na net..absorvo tudo que é possível!

      Desculpe pelo comentário enorme!! haha

      Excluir
    3. Nossa! É muita coisa mesmo!
      Eu adoro romance policial, mas também gosto muito de fantasia.
      Fique a vontade para mandar e-mail, ok? O endereço tá no perfil.

      Vou ver se tomo coragem pra fazer uma speed-qualquer-coisa algum dia. Nunca fiz... tenho vontade.

      ^^

      Excluir
    4. Se eu puder ajudar em algo você tbm pode me enviar e-mail.. é debora_fantini@msn.com ..=D

      Excluir
  2. hahah que legal! Espero que goste do resultado, quando chegar!

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também espero gostar! xD
      Do livro pelo menos eu gostei bastante, então criei expectativas.

      Bjs!

      Excluir
    2. Acredito que, pelo público alvo ser escolar (até 15 anos), muito do potencial da peça não pode ser aproveitado de forma adequada, mas eu mesmo não li o álbum finalizado ainda, e estou tão curioso quanto vc haha

      Beijos!

      Excluir
    3. Vamos aguardar então. \o/

      Excluir
  3. Eu tenho o Romeo e Julieta dessa editora. A adaptação ficou muito boa, e eu sou fã da desenhista Roberta Pares, q ilustrou a edição. Tb gosto de adaptações para quadrinhos. Além de ser um resumo bem prazeroso de ler... É em quadrinhos!! *-* Hauahua Ah, e claro, tem q ler o livro original, pra ter noção se foi realmente bom u_u (apesar de eu ñ fazer isso com todas XP)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já folheei Romeu e Julieta da coleção da Editora Nemo e achei o desenho uma gracinha. Quero ler a obra completa, mas tenho preguiça, acredita? Romeu e Julieta é uma história tão batida já...

      Se um dia aparecer o livro na minha gaveta mágica, eu leio! Hehe

      Excluir
    2. Ah, eu acho uma perfeição os desenhos dela *-* A Roberta tb participou do MSP Novos 50, sabia? A história ficou muito linda. (sou meio suspeita pra falar isso XP)
      Haha, pois é! É que já conhecemos tanto a história em adaptações q se ler o original, deve perder a graça .------.

      Excluir
  4. É ROMEU, peloamor >>.<< Escrevi pensando em inglês e "Julieta" em português XP

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Romeu, Romeo... tudo a mesma pessoa!

      Excluir
    2. Hauahuahauahua, tem razão! O importante é q vc entendeu XD

      Excluir
  5. Curto muito dessas adaptações (apesar que é claro, nada substituiu a leitura dos originais!) - Uma das melhores coleções que eu conheço, mas que hoje já é meio antiga, foi uma dos "Classics Illustrated" lançada pela Editora Abril ainda nos anos 90.

    Se você não conhece essas adaptações, dá uma googleada usando os termos "classics illustrated Editora Abril" que você encontra rapidinho! Eram livros de alta qualidade gráfica (papel ótimo, os meus estão como novos até os dias de hoje), e o cuidado com a tradução e adaptação, foi algo que raramente a gente encontra com a mesma qualidade nos dias de hoje.

    Enfím, apenas dando essa dica! Pra quem frequenta sebos ou compra de gibiterias virtuais, vale muito a pena conferir esse material!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não conhecia e dei uma Googleada! Parece muito bom mesmo, me tentou o bolso na hora! Para que tiver preguiça de Googlear também, segue uma imagem: Classics Illustrated Editora Abril

      Mas eu recomendo que procurem mais, pois algumas possuem até as páginas internas disponíveis para visualização.

      Obrigada pela dica, Fabio!

      Excluir
  6. Atualmente estou lendo a adaptação de A metamorfose (de Franz Kafka), a arte é muito bem feita, o desenho é bem expressivo e a história bem adaptada, acho até que se eu não tivesse lido o livro antes, me interessaria bastante para começar ler.
    Acho que pra quem tem preguiça ou não tem o hábito de ler, essas adaptações são ótimas, mas eu ainda sigo a regra de ler o livro e depois ver as adaptações em outras mídias.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também prefiro ler o original antes não só por uma questão de comparação. Assisti ao filme Harry Potter 1 antes de ler os livros, por exemplo, e consegui comparar da mesma maneira.

      O que eu chamaria de "problema" - que não necessariamente o é - é o público alvo ao qual é destinada a adaptação. As peças de Shakespeare apresentam um conteúdo bem maduro e reflexivo, mesmo em suas comédias. Por isso, a perda sofrida em adaptações de sua obra para quadrinhos destinados ao público infanto-juvenil é significativa. O que não acredito ser um ponto negativo, muito pelo contrário, se levarmos em consideração a proposta inicial: aproximar o conhecimento da peça ao público que, cá entre nós, não é dado a muita leitura. xD

      Excluir